Sábado, 18 Outubro 2014 15:05

Operação contra pedofilia na cidade de Caçu

18/10/2014   -   Policia Federal em Caçu

A Cidade de Caçu, no Sudoeste Goiano, outra vez virou Manchete Nacional após ser alvo de Ação da Polícia Federal na Operação DarkNet,

 com o intuito de desmantelar ações de Pornografia Infantil através da Internet. 

A Operação foi deflagrada na última quarta-feira, 15, em 18 Estados Brasileiros e também no Distrito Federal, onde cumpriu vários Mandados. Um homem foi detido e vários computadores foram apreendidos.Com o homem detido, a Polícia Federal encontrou em seu computador, fotos pornográficas envolvendo crianças e adolescentes, porém, após pagar fiança, o mesmo foi liberado. Em Caçu, um Computador foi apreendido para análise, pois há denúncias de que o homem envolvido estivesse utilizando a Internet para a prática criminosa, uma vez que o mesmo é reincidente.

Toda a investigação iniciou através de rastreamento na DeepWeb, um espaço cibernético, cujo conteúdo não aparece em sites de buscas, como o Google. O programa impede a identificação de quem manda e recebe dados na Internet. A Operação DarkNet foi coordenada pela Corporação do Rio Grande do Sul e aconteceu simultaneamente em 44 Unidades da Polícia Federal e envolveu 500 Agentes, além de cumprir 12 Mandados em outros Países, como Portugal, Colômbia, México, Venezuela e Itália.

Moradores da pequena Cidade de Caçu ficaram assustados logo na Madrugada de quarta-feira, quando viram vários Agentes da Polícia Federal realizando buscas em um Escritório de Contabilidade, onde um dos envolvidos cedia Internet para o acusado, cuja identidade não foi revelada, porém, de acordo com as informações, já era alvo de investigações.

O Computador foi apreendido para as devidas providências. O acusado foi encaminhado à Delegacia de Polícia para esclarecimentos. No total, foram presas 51 pessoas, inclusive, um Seminarista, um Agente Penitenciário, Servidores Públicos, Militares e Empresários.

De acordo com a Polícia Federal, foram cumpridos 93 Mandados em todo o País, cujo objetivo é confirmar a identidade dos suspeitos e, posteriormente, buscar elementos que comprovem os delitos. No Exterior, outros 12 Mandados foram cumpridos.

No decorrer das investigações, seis crianças foram resgatadas de situações de abuso sexual, em Minas Gerais, Goiás e São Paulo. A Operação DarkNet é fruto de 01 ano de investigações, onde mais de 14 endereços de IP foram investigados.

A procuradora da República Jaqueline Ana Buffon, que atuou no caso, orienta pais a tomarem cuidado com possíveis investidas de pedófilos na internet contra seus filhos e observarem os comportamentos das crianças. Denúncias podem ser feitas por meio do site do órgão ou pelo Disque 100.